Data do Curso

Breve descrição do Curso

O que vai ser este Curso? A Bíblia é, em primeiro lugar, um compêndio de Histórias fundadoras. Chamamos-lhe “Escritura” mas, muito antes disso, tudo ali nasceu em culturas de oralidade. Por isso, a própria escrita das Histórias serviu para preservar a oralidade, para estar ao serviço dela, para que as grandes Histórias não deixassem de ser contadas em cada tempo e lugar de maneiras novas. Há muitas maneiras de fazer um “curso bíblico”. Nós queremos fazer um desta maneira, contando Histórias, recontando as Histórias fundadoras da tradição judaico-cristã. O ponto de partida, portanto, não estará nas letras, não estará no papel dos livros escritos. O ponto de partida será o ambiente em que algumas das mais grandiosas Histórias bíblicas começaram a formar-se e se foram desenvolvendo, muito antes de chegarem a ser “escritura”. Depois disso, então sim, com o devido tempo, haverá oportunidade para aprender um roteiro dessa História nos livros bíblicos, para sermos mapeados no espaço-tempo das coisas, para recebermos perguntas que despertem uma interpretação pessoal-espiritual dessas Histórias, para lhes seguirmos a pista através da música, da pintura, da literatura, etc. Teremos um mês para cada uma das Histórias, de modo a entrarmos nelas por portas variadas e sem correrias. Este é o estilo de Curso Bíblico que nós gostaríamos de ter frequentado. Como não encontrámos, pusemo-nos a fazê-lo.

Responsáveis do Curso

Rui Santiago, Daniel Ferreira e Margarida Ferreira

Acrescenta um ponto

Queres saber um pouco mais sobre a estrutura do Curso, ao longo de cada mês? Espreita aqui cada um dos Pontos
Em cada mês um conto que vos chegará em vídeo. Uma História bíblica, bonita, bonita, e bem contada, como todas as boas Histórias merecem. Será sempre o ponto de partida. Mas não será o único ponto.....
Depois do Conto, o primeiro ponto. Aquele que nos situa. Em que momento da História se situa o Conto? E da história grande, a narrativa bíblica? E geograficamente, de que sítio ou sítios no mundo falamos? Por aqui andaremos, todos os meses, com cada Conto. Vamos situá-lo e vamo-nos situar nós também.
Não são umas perguntas quaisquer, não são todas as perguntas, não são sequer perguntas para as quais há uma resposta pronta a ser dada. São aquelas perguntas que nos levam para algum lado, ficamos a pensar nelas, olhamos para onde elas nos apontam. Reconhecem este estilo de pergunta? Não são vocês que vão fazer as perguntas, estas perguntas são-nos oferecidas, a ver onde nos levam. Será o segundo ponto de cada mês, alguns pontos de interrogação que nos são dados para que nos levem para outros lugares dentro do Conto.
A arte tem sempre alguma coisa a dizer. Normalmente consegue dizê-lo de uma forma única, aliás, de muitas formas únicas, seja através da música, da pintura, da escultura, até da banda desenhada, ganham-se olhares novos e uma sensibilidade mais fina quando activamos todos os sentidos. Assim será este Contraponto. Deixemos a arte falar, deixemos que nos mostre o que teve e tem a dizer sobre este ou aquele ponto do Conto. Vejamos como os artistas das várias épocas se deixaram sensibilizar pelo que andamos agora nós também a experimentar.
Para terminar, claro que temos que nos encontrar. Será neste encontro mensal que haverá lugar para a troca de ideias, para explorar melhor alguns pontos, para pôr os participantes a falar entre si. O lado bom de fazer um curso deste com um grupo mais pequeno, é poder criar assim um momento bom de troca de ideias. Será via zoom, na quinta feira da terceira semana, às 21h30. Todos os pontos culminam neste Ponto de Encontro.

Programa do Curso

  • 1

    A história do Dia Novo

    • Conto

    • Ponto de Situação

    • Ponto de Interrogação

    • Contraponto

    • Ponto de Encontro

  • 2

    A história mais esperada

    • Conto

    • Ponto de Situação

    • Ponto de Interrogação

    • Contraponto

    • Ponto de Encontro

  • 3

    A história do Nazareno

    • Conto

    • Ponto de Situação

    • Ponto de interrogação

    • Contraponto

    • Ponto de Encontro

  • 4

    A história da Páscoa antiga

    • Conto

    • Ponto de Situação

    • Ponto de interrogação

    • Contraponto

    • Ponto de Encontro

  • 5

    A história da Páscoa nova

    • Conto

    • Ponto de Situação

    • Ponto de interrogação

    • Contraponto

    • Ponto de Encontro

  • 6

    A história a andar para trás

    • Conto

    • Ponto de Situação

    • Ponto de interrogação

    • Contraponto

    • Ponto de Encontro

  • 7

    A história a andar para a frente

    • Conto

    • Ponto de Situação

    • Ponto de interrogação

    • Contraponto

    • Ponto de Encontro